Como montar um bar e lanchonete Parte I

Bom, já faz alguns anos que não atualizo o blog adequadamente, aconteceram diversas coisas em minha vida nos últimos anos que me fizeram focar na minha família e trabalho, atualizando vocês, eu casei, me mudei para interior e fui promovido a Diretor em uma das maiores empresas de montagens comerciais do Brasil.

Por este motivo surgiu a ideia de utilizar o canal de informações Coisas de Homem para disseminar um pouco da cultura empreendedora, mas, sem mais do mesmo da internet mostrando como conseguir milhões de dólares através de investidores, como fazer uma startup matadora e ficar bilionário, a ideia aqui é mostrar caminhos seguros de montar muitas vezes empresas de sucesso e diferenciadas a partir de novos conceitos para formatos que já existem.

Com o meu trabalho venho acompanhando diversos empreendedores, de todos os tamanhos, trabalhando nos formatos tradicionais no comércio como Bares, Restaurantes, Lanchonetes, Supermercados, Farmácias, etc. Porém, negócios e empreendedores de sucesso que tiram um pré-elaborado liquido de R$ 10.000,00 a R$ 150.000,00, isto sem fazer milagres, apenas seguindo as estratégias adequadas em formatos que funcionam em todo o Brasil.

1 – A escolha do local adequado

Em uma lista de prioridade, tomando como base que você já decidiu a abertura de um Bar ou Lanchonete, o primeiro detalhada seria a escolha adequada de um ponto comercial. Dependendo do tipo de negócio ele pode ou não ser afastado do centro da cidade ou de uma área movimentada. Esta informação você vai adquirir em uma pesquisa, contratando profissionais ou simplesmente indo à luta, conversando com outros empresários da região.

Se tem uma recomendação que garanto que funciona: contrate uma empresa que faça o projeto de adequação dos equipamentos em seu espaço, projeto a área de venda, área de manipulação e produção.

2 – Definir o que se vai vender

Além do local adequado, uma decisão importante sobre o seu negócio é decidir quais produtos você irá trabalhar, com isto você poderá definir o tipo de equipamento que será necessário, o tipo de cliente que você irá atender e o perfil de negócios onde você irá atuar.

No caso de um bar e lanchonete a preocupação inicial para definir o tipo de produto que irá vender é saber se é um negócio de venda rápida e imediata ou local onde as pessoas irão passar um tempo maior, podendo ser em alguns casos lanches rápidos de 1 a 5 minutos, médio de 5 a 20 minutos, ou tempo longo acima de 20 minutos.

3 – Quais equipamentos são necessários para montar um bar ou lanchonete

Em primeiro lugar devemos pensar no que é de extrema importância, a refrigeração de estoque e exposição das mercadorias. Para estoque sempre recomendo trabalhar com Frezer Horizontal e para exposição trabalhar com Freezer vertical, além de poder contar com balcões frigoríficos para o caso de você não querer que o cliente tenha acesso aos produtos refrigerados.

Para os equipamentos de produção entrará aquilo que foi definido com o tipo de produto que você irá trabalhar, por exemplo:

  • Sucos, Vitaminas e Batidas – Trabalhar com Liquidificadores e Trituradores (No caso trituradores são mais resistentes inclusive para fazer batidas e sucos)
  • Sanduíches, Churrasquinho, Pão com Linguiça, etc – Trabalhar com Chapa para Lanches
  • Pizza – Forno para Pizza com Pedra de Lastro
  • Caldos, Comidas de Boteco, etc – Trabalhar com Fogão Industrial
  • Salgados Fritos – Trabalhar com Fritadores e Tachos Elétricos
  • Mercearia – Trabalhar com gôndolas de aço

Uma breve passada pela nossa loja virtual você irá encontrar diversos produtos para montagem de Bares e Lanchonetes.

Na semana que vem irei continuar o post, trabalhando detalhes do projeto e formato de venda para atingir um bom faturamento e lucratividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *